quinta-feira, 24 de junho de 2010

O diário!


Hoje, 24 de Junho de 1997 é a primeira vez que escrevo em meu diário. Estou feliz! Estava precisando compartilhar um pouco dos meus pensamentos e sentimentos.
Não sei bem como expressar tudo em palavras. Vou iniciar falando de você! Ser que habita os meus pensamentos.
..
"Realmente foi algo que me chamou a atenção. A pele aparentava ser macia, lábios não muito vistosos, mas vermelhos e belos como nunca havia observado. Olhos azuis. Um olhar misterioso que me prendia, me fazia ter os mais desvairados pensamentos!
Olhava para sua foto todas as noites. Adormecia com ela ao meu lado.
A carta que você me enviara a alguns meses passou a ser meu livro de cabaceira. Não cansava de ler e reler!
Me peguei varias vezes, viajando, pensando em quão bela era a criatura da foto!
Acho que nessa época você era uma obsessão
em minha vida. Alguém que , tirava todas as minhas forças, minha vitalidade. Cheguei a pensar que necessitava de um tratamento. Achei que estava ficando doente, talvez ate tornando-me louca...
Não sei bem ao certo que tipo de doença você foi, mas os sintomas foram os mais cruéis! Poucos foram os momentos de prazer que você me proporcionou. Na maioria das vezes eu sofria! Você era como o vicio que se tem por algo. No inicio é bom, mas em um determinado momento torna-se cruel!
Mas existia um detalhe o qual eu não podia deixar de atentar. Como era bela! Lembro-me da primeira vez que sonhei com você. Foi
esplêndido, arrisco em dizer que foi magico!
Por vezes eu pude te fazer presente mesmo que por um instante. Recordo-me que da vez em que, quase toquei seus longos e sedosos fios de cabelo, por muito pouco não senti sua pelo junto a minha!
Todas as noites, o mesmo ritual. Lia sua carta, olhava seu retrato, nada mais me importava, apenas você."

Nenhum comentário:

Postar um comentário